Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

Ficção Cega na casa que não tinha paredes

Imagem
No dia que eu te encontrar de novo o mundo vai parar de rodar por uns instantes
Eu vou te olhar e vamos começar a dançar uma música que talvez nem esteja tocando
Eu vou deitar a cabeça no seu ombro, e, agarrada à sua mão, fechar os olhos
De olhos fechados vou cheirar o seu pescoço e sua barba e seu cabelo
E a música que não estava tocando vai emendar em outra e em outra
Sei que vou secar uma lágrima em sua blusa, disfarçadamente
E vou dizer, no pé do seu ouvido para que você nem ouça,
meu amor